Dicas para desenvolver uma linha de roupas personalizadas de Halloween

Tempo de leitura: 4 minutos

Apesar de originalmente ser uma festa tradicional americana, cada vez mais o Halloween vem se popularizando em nosso país. E é uma época muito boa para ganhar dinheiro com a venda de roupas com estampas assustadoras ou voltadas para o humor, mas com temática de terror.

Continue lendo e confira dicas de como desenvolver linhas de roupas personalizadas voltadas para esta data de arrepiar!

Qual a história por trás do Halloween?

O Halloween, também conhecido como Dia das Bruxas, possui um forte valor cultural e tradicional nos Estados Unidos, apesar de ter surgido entre os Celtas, em uma região onde é hoje localizada a Irlanda, há cerca de 2.500 anos. 

O termo Halloween é uma contração da frase “All hallow’s eve”, traduzido do inglês antigo para “véspera de todos os santos”.

Desde sua origem, o Halloween é celebrado no dia 31 de outubro, data que marca o Samhain (o Ano Novo Celta), o início do outono no hemisfério norte e é ainda a véspera do Dia de Todos os Santos, como mencionado acima.

O Halloween foi difundido pelo mundo graças ao cinema americano, que criou diversos filmes e de variados gêneros com tramas que se passavam na data. Um dos clássicos do terror, inclusive, leva o nome Halloween.

No Brasil, além da televisão e cinema, algumas escolas de idiomas trouxeram o feriado para as comemorações entre crianças e jovens. Tanto que, em 2013, foi instituído que no dia 31 de outubro seria o Dia do Saci, conhecida figura folclórica brasileira.

O Halloween foi introduzido nos Estados Unidos por imigrantes irlandeses, em 1840. Com o passar dos anos, os vínculos com as tradições célticas e o cunho religioso da comemoração foram se perdendo e, atualmente, a data tem alto teor comercial. E é neste ponto que queríamos chegar!

Aposte no terror!

Graças ao cinema, à televisão e até mesmo à música, foram criados diversos ícones pop voltados para o tema. 

Quem não conhece os personagens clássicos de filmes de terror, como Chucky (o boneco assassino), Regan (a menina possuída de O Exorcista), Jason (o assassino da franquia Sexta-Feira 13), Freddy Krueger (o invasor de sonhos de A Hora do Pesadelo), Ghostface (o assassino da franquia Pânico) e Pennywise (o palhaço de It – A Coisa)?

Eles se tornaram ícones da cultura pop e estão presentes em diversas estampas, sejam elas representadas por cartazes de filmes, caricaturas, artes originais ou até mesmo em frases que são ditas por estes personagens. 

Você pode se inspirar neles também para criar uma linha sazonal de produtos e tornar o seu negócio de camisetas personalizadas variado.

Caso esteja considerando começar um negócio de roupas personalizadas, o Halloween pode ser uma grande oportunidade. Você pode começar criando uma loja virtual nas redes sociais, por exemplo, como o Instagram e arrasar com fotos das suas peças.

Mas o que é um negócio ou linha sazonal?

O termo “sazonal” está relacionado às estações do ano, mas quando se trata de fazer novos negócios e vender, estamos falando de produtos criados especificamente para uma data do ano, como o Natal, a Páscoa, Dia das Mães e Halloween, por exemplo. 

Criar uma linha sazonal de produtos significa que você produzirá uma categoria de roupas personalizadas voltadas para a data específica.

Neste post, o foco é o Halloween, ou seja: se você já possuir um negócio de roupas firmado, pode ser uma grande oportunidade elaborar uma coleção de roupas personalizadas voltadas para este tema. 

Já demos as dicas de personagens, mas você pode explorar os posters dos filmes, as frases ditas por eles, ou ousar e ir além, criando (ou contratando artistas para criar) estampas originais.

Você pode se inspirar pelo tema voltado para o oculto e o sombrio e criar artes com caveiras, florestas, cemitérios, cruzes, lua, espantalhos, fantasmas, lendas urbanas, folclore e muito mais.

Indo para o lado mais “fofo”, pode pensar em artes com personagens (já existentes ou originais) com uma arte mais “infantilizada”, com muitas cores, fugindo do preto e fazendo humor.

Quer um exemplo? Que tal fazer uma estampa com a versão infantil do palhaço Pennywise, de It – A Coisa, bem fofinho e com a frase: “It malia” (que vem do meme “iti malia”, usado para falar de coisas extremamente fofas).

Sempre dizemos que a imaginação é ilimitada, então aproveite esta liberdade para criar as melhores e mais assustadoras peças para esta data, que mesmo não sendo brasileira, está presente no coração de muitas pessoas em nosso país.

É claro que, para que o seu negócio e a sua linha de roupas personalizadas seja um sucesso, você deve ter produtos de qualidade e estampas bem-feitas. 

Para isso, não deixe de pesquisar para encontrar aquela estamparia que está sempre ao seu lado e pode te ajudar em todos os passos necessários para a produção das peças.

Com os produtos personalizados prontos, é só dar o pontapé inicial para aproveitar a data do Halloween da melhor forma!