Gestão à distância: como manter a venda dos meus produtos personalizados em alta?

Tempo de leitura: 5 minutos

O ano de 2020, definitivamente, foi o ano em que o home office se estabeleceu como o “novo normal”. Mas muitos negócios de produtos personalizados têm enfrentado desafios com essa modalidade, especialmente em relação à gestão de pessoas. Afinal, como acompanhar e motivar uma equipe à distância, para que ela não deixe as vendas caírem? 

Por isso, trouxemos algumas ideias neste post, para incentivar o funcionamento do seu negócio, seja ele de roupas, brindes, alimentos e bebidas ou outro ramo. Quer saber como? Continue lendo!

Planejar tarefas e definir metas de vendas dos seus produtos personalizados

O primeiro passo para realizar uma boa gestão à distância é planejar as tarefas e metas da sua equipe. 

Provavelmente, você já fazia isso no dia a dia. A diferença, agora, é que isso será feito on-line, por meio de um site ou de um aplicativo voltado para a gestão de tarefas e de atividades, como o Trello ou o Asana

Nesses sites, você consegue criar tarefas, metas, prazos e atribuições para cada um dos seus colaboradores. Dessa forma, eles se mantêm atualizados sobre o que precisa ser feito e quando deve ser entregue, como: entrada de pedidos, separação de pedidos e emissão de nota fiscal. Assim, a rotina de todos os envolvidos fica mais organizada. 

Usar ferramentas de comunicação interna

Hoje em dia, não faltam opções de ferramentas para se comunicar com as pessoas via Internet, otimizando o trabalho remoto e facilitando a gestão à distância. Dessa forma, você consegue manter o contato com a sua equipe, estabelecer uma rotina produtiva e organizar a execução e as entregas do trabalho de cada colaborador. 

É necessário determinar com os seus funcionários o meio de contato utilizado por todos, porque concentrar em um lugar só deixa esse processo mais organizado. 

Para mensagens de texto, é possível utilizar opções como o Slack, o Telegram e o próprio WhatsApp, que facilitam a checagem de tarefas. Só atenção com as ferramentas também utilizadas para fins pessoais. Outras mensagens podem confundir o usuário ou dispersá-los com facilidade.

Agora, para organizar reuniões por videoconferência, possibilidades como o Google Hangouts, o Skype e o Zoom são muito utilizadas, porque aproximam a equipe e fortalecem o contato, mesmo à distância. 

Enquanto as ferramentas de texto ajudam nos pormenores do dia a dia, as de videoconferência podem ajudar a reunir a equipe para a conferência dos pedidos da semana, realizar gestões de crise em algum pedido ou a definir inovações, como: uma nova coleção (no caso de uma loja de roupas personalizadas) ou novos pratos no menu (no caso de um negócio alimentício). 

Priorizar o atendimento on-line e as vendas por delivery dos seus produtos personalizados

Se você não estava acostumado a vender on-line e por delivery, essa é hora de se readaptar, urgentemente. A pandemia provou que esses dois modelos de vendas vieram para ficar, especialmente no período de distanciamento social.

Estar presente no universo on-line faz com que você amplie o seu público para qualquer lugar do país, reduza os custos de uma loja física (como aluguel e luz) e funcione 24 horas.

Viu só por que negócios de todos os segmentos têm apostado na venda dos seus produtos on-line? Por isso, você precisa migrar já para esse mundo! 

A primeira é vender os seus produtos por meio de um e-commerce ou de um marketplace. A segunda dica é esteja presente nas redes sociais (como Facebook e Instagram) para divulgar os seus produtos, entrar em contato com os clientes e/ou também vender através delas.

Depois, não deixe de determinar o seu serviço de entrega, como: pelos Correios; enviar o produto nas agências por conta própria; estabelecer uma parceria com uma transportadora ou empresa de logística; e optar por entregas via motoboy.

Verifique qual é a melhor opção para o seu negócio, mas lembre-se de sempre priorizar a segurança do entregador e de optar por um meio que atue com um fluxo de entrega adequado para a sua loja e para o seu cliente.

Alinhar as expectativas de vendas

Também é muito importante alinhar expectativas com os seus funcionários. Marque uma reunião com eles focada neste momento da sua marca, determine novas metas, delegue tarefas de forma adaptada e ouça as opiniões deles, definirem juntos como vão acontecer as vendas a partir de agora.

Outro ponto essencial, que deve ser tratado nessa reunião, é a qualidade do bom atendimento, que precisa ser reforçado nas vendas on-line.

Durante a pandemia do novo Coronavírus, o cliente de marcas de camisetas, acessórios, bebidas, alimentos, entre outros ramos, tem se mostrado disposto a continuar consumindo esses produtos, mas exige um atendimento rápido, personalizado e eficiente, que combina com o mundo prático e digital que vivemos.

Portanto, um bom relacionamento é o que vai fazer a marca fidelizar os clientes antigos e atrair novos, mantendo a venda de produtos personalizados em qualquer cenário, ainda mais após o “novo normal”. 

Fechar boas parcerias com fornecedores

Por fim, você só vai conseguir manter a venda dos seus produtos personalizados em alta neste cenário atípico se tiver o apoio de um fornecedor de confiança

Ele precisa fornecer condições especiais de compra (como frete grátis ou fixo), prezar por um ótimo custo-benefício, garantir a segurança de todos os envolvidos no processo e ter uma estrutura necessária para entregar seus produtos personalizados no prazo que você e o seu cliente precisam. 

E não deixe de assinar a nossa newsletter para receber mais conteúdos como esse!